Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]



A DECO, num estudo que incluiu outras associações de defesa dos consumidores europeias  (Bélgica, Itália e Espanha) examinou cinco marcas de calendários do advento: El Corte Inglés, Favorina (Lidl), Ferbar, Jacquot e Pingo Doce.  

 

Neste estudo, concluiu "que o calendário do advento El Corte Inglés contém hidrocarbonetos aromáticos de óleos minerais e, por precaução, não aconselha o consumo deste chocolate. Além disso, foram encontradas pequenas quantidades de hidrocarbonetos saturados de óleos minerais nos restantes calendários analisados."

 

A Europen Food Safety Authority (EFSA, Autoridade Europeia de Segurança Alimentar) explica que “os hidrocarbonetos de óleos minerais são moléculas que derivam de processos de refinação do petróleo, carvão, gás natural ou biomassa” e sublinha que, no caso dos hidrocarbonetos saturados de óleos minerais, “é atualmente impossível determinar os efeitos para a saúde da sua acumulação”.

 

Segundo a notícia do Jornal Económico, a DECO irá reportar os resultados do estudo à ASAE.

Autoria e outros dados (tags, etc)


Eu tenho medo...

03.02.16

Há dias lia uma notícia sobre o uso de pesticidas em frutas e legumes. Estava relacionado com os perigos de comprar "à beira de estrada" já que essas vendas já não são feitas apenas por pequenos produtores responsáveis, que cuidam que os seus produtos têm níveis aceitáveis de produtos químicos e que os prazos de intervalo entre a aplicação e o seu consumo (que são garantia da segurança dos mesmos) são respeitados. 

 

Confesso que fui colmatando esse medo de duas formas: constante vigilância e educação para que o meu pai (agricultor para consumo da casa) utilize formas alternativas de controlo de pragas (por exemplo, chá de urtigas para o piolho) e a opção por grandes superfícies para a compra de frutas e legumes. 

 

Deixem-me explicar o porquê de achar que as grandes superfícies são mais seguras: porque me baseio no pressuposto que aí existe maior controlo. Pelo menos é esse o meu raciocínio que sei ter imensos contra-argumentos.

 

Volto à notícia. Dizia que num grande supermercado, uma inspecção havia detectado fruta que era imprópria para consumo, precisamente por violar níveis de toxicidade. 

 

Confesso que começo a considerar seriamente e a compra de fruta biológica, mesmo com os seus preços proibitivos. 

 

E fico-me por aqui, porque se começamos a falar de antibióticos em carne e peixe de aquicultura, ou níveis de chumbo em peixe pescado... enfim. 

 

Fica-se na dúvida: é seguro comer?

Autoria e outros dados (tags, etc)



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Maio 2018

D S T Q Q S S
12345
6789101112
13141516171819
20212223242526
2728293031


Comentários recentes

  • Ricardo_A

    Quem mora junto à fronteira já consegue poupar ent...

  • Ricardo_A

    Já fui a duas, aqui perto, doar roupa, aproveitand...

  • Descontos

    Sim, ainda hoje atestei o depósito e foram quase €...

  • Descontos

    Olá OvelhaOstra,considerando que é uma poupança an...

  • Descontos

    Obrigada Cathy!




Arquivo

  1. 2018
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2017
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2016
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2015
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2014
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2013
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2012
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2011
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D