Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




4 (72).jpg

Com uma agenda desactualizada, é muito fácil criar um diário perpétuo de memórias. Eu não sou muito de ter diários de muito texto, mas tenho-me habituado a registar pequenas memórias (uma linha ou duas) que gosto de rever. É tão fácil esquecer estes pequenos momentos. 

 

Pode ser um filme, uma viagem, uma exposição, uma festa de arromba ou, aquelas saídas geniais das cachopas:

5 (50).jpg

Aqui, interessa-me o dia e o mês e, quando quero registar algo em articular, simplesmente abro a página desse dia, anoto o ano e escrevo. 

6 (33).jpg

Pelo meio das páginas, vão aparecendo bilhetinhos para a titi, desenhos e fotografias.

7 (23).jpg

 Gosto tanto de reler este diário.

Tags:

Se a memória não me falha, partilhei convosco que comprei uma agenda de 2017 por €0.30. O que ainda faltava mostrar é o que faço com agendas desactualizadas. 

1 (394).jpg

Neste momento escrevo em duas: um diário perpétuo de leituras e um diário de memórias. 

 

Diário de Leituras

 

Para o diário de leituras, a única coisa que me interessa é a divisão por meses. Vou registando em cada mês, as leituras desse mês, nos diversos anos.

 

Claramente Janeiro de 2016 foi mais produtivo que o de 2015, em termos de leituras.

2 (184).jpg

Ou seja, nas páginas de Agosto, vou registando as leituras de Agosto, ano a ano.

3 (106).jpg

Considerando que estou a conseguir encaixar cerca de 2 anos por página, terei agenda para mais uns 60 anos. Não é perpétuo, mas considerando que já passei os 40, chega-me perfeitamente.

 

Neste momento ainda não terminei de transcrever os anos de 2017 e 2018. 

Tags:

Há décadas que não imagino a casa sem a máquina de fazer pão. Adoro o pão e adoro receber as miúdas cá em casa com o cheiro de pão acabado de fazer. 

Também uso para compotas e a massa de pizza era coisa de lendas, tão boa que ficava. 

 

Infelizmente, a minha MFP avariou e o meu reparador de electrodomésticos habitual assinou o certificado de fim de vida. Não foi possível reparar. 

 

IMG_20180916_101421_507.jpg

Por isso, nesse mesmo dia procurei uma máquina usada, nova para mim.

Não considerei a hipótese de comprar nova. É o electrodoméstico que reúne todas as características para se fazer uma boa compra em usados:

 

- tem utilidades limitadas: a generalidade das pessoas só pensa nela como máquina do pão e se não a usarem para isso, vêm-na como inútil;

 

- é um electrodoméstico extra: uma máquina de lavar roupa tem uma utilidade primária, uma máquina de fazer pão é mais um extra, um presente que nos oferecemos ou a outros; 

 

- é volumoso: numa cozinha, o espaço que uma mfp ocupa é valioso e por isso, quem não a usa, quer ver-se livre dela rapidamente;

 

- é rapidamente abandonado: porque é um extra, uma novidade, ou a pessoa gosta imediatamente dele ou rapidamente o abandona, pelo que é ideal para se encontrarem itens quase sem utilização;

 

é fácil de analisar: a não ser que a avaria seja interior (e aí a probabilidade de ser vendida como nova é baixa), os danos mais habituais são fáceis de detectar: a cuba anti aderente está muito riscada? as pás saem facilmente ou já estão calcinadas? o mecanismo de rotação na cuba e na máquina tem ferrugem?

IMG_20180916_101457_918.jpg

 

 E finalmente, por todas as razões acima, há inúmeros aparelhos à venda a preços muito baixos, que facilmente compensam o risco. 

 

A minha nova mfp custou apenas €10 e está como nova. Acresce que, a nível de programas, ainda é melhor do que a que eu tinha. 

istock_9252424_large.jpg 

Antes de mais, tenho de partilhar convosco um artigo da Mental Floss sobre um estudo encomendado pela Samsung a propósito da epidemia de meias desaparecidas no processo de lavagem. Não resisto.

Spoiller: A conclusão é que nós somos uns/umas preguiçosos/as que culpam as máquinas de lavar. 

 

Voltando ao tema principal. Há alguma tempo que comecei a usar a estratégia de comprar meias iguais, em quantidade.

 

Faço-o, em especial, com as meias (soquete e meia perna) de mousse. A generalidade das pessoas, quando perde ou se estraga uma das meias, deita fora o seu par, porque fica inutilizado. 

 

Já eu, quando estrago alguma meia, limito-me a descartar a meia estragada, porque a outra tem sempre um par, porque são todas iguais. 

 

Mais, isso poupa-me imenso tempo porque me limito a colocar as meias numa divisória, sem as dobrar ou ter de emparelhar.

 

Embora ainda tenha meias de algodão de cores diferentes, cada vez mais tenho adoptado a estratégia de as substituir por conjuntos de meias iguais, precisamente para evitar desperdiçar meias e tempo.



Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Setembro 2018

D S T Q Q S S
1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
30


Comentários recentes

  • Descontos

    Olá,eu não participei para já li um comentário a p...

  • Descontos

    Consulte o IVA da factura. Se for 6%, dá.

  • Descontos

    Olá Adelina,há muito que deixei de utilizar a plat...

  • Anónimo

    Não sendo este o post adequado, aproveito-o para p...

  • Descontos

    Banana da madeira é MARAVILHOSA!!!Se ganhasse o eu...



subscrever feeds


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D