Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Em tempos de crise económica, é inevitável que haja quem corte em bens alimentares essenciais. Nos diversos comentários, são várias as referências ao elevado preço do peixe o que o torna quase um luxo, neste dias difíceis. 

 

Por isso, venho fazer a defesa do peixe económico, proveniente da nossa costa e fresco. Faço-o porque acredito que não é o preço que determina as qualidades nutricionais do mesmo. Acredito que um carapau da nossa costa é muito mais saudável que uma dourada de aquicultura. E acredito que é possível manter uma alimentação saudável com menos dinheiro e que é preferível comprar peixe económico em detrimento de panados de peixe processados. A poupança, na compra de peixe, também é possível.

 

Esta semana comprei peixe para 10 refeições (1 pessoa) por €4.80:

 

12 carapaus pequenos, 638 gr x €1.99/kg, com 50% desconto em cartão = €0.63

- dividi em 3 porções


2 fanecas, 253 gr x €3.99/kg = €1.01


4 pescadas pequenas, 771 gr x €5.99/kg, com 50% desconto em cartão = €2.31

- dividi em 4 porções

 

4 verdinhos, 335 gr x €2.54/kg = €0.85

- dividi em 2 porções


7 comentários

Sem imagem de perfil

De Anónimo a 03.11.2013 às 13:33

Onde comprou o carapau? Hoje ainda está com 50%?
Imagem de perfil

De Descontos a 04.11.2013 às 09:01

Foi no Continente, mas a promoção acabou.
Sem imagem de perfil

De Poupar Melhor a 03.11.2013 às 15:17

Completamente de acordo!
Tanto mais quando beneficiar os nossos pescadores.
Quanto à aquicultura, devia ser um dos sectores em que nós Portugueses devíamos apostar mais. Não esquecer que a aquicultura não é necessariamente má: basta pensar como são criados por ex. os frangos...

A.Sousa
Sem imagem de perfil

De ... a 03.11.2013 às 15:42

Abençoadas canas de pesca.
Não é sempre mas de vez em quando lá trazem uns peixitos, mas isto porque vivo perto do mar.
É como ter uma horta, pode não haver sempre tudo, mas o que há é fresco.
Sem imagem de perfil

De apimenta a 03.11.2013 às 15:57

Descontos, não podia estar mais de acordo. Compro no mercado de Benfica em Lisboa (banca central do senhor correia...a mais concorrida; pelas 10h30 já esta vazia e as outras bancas ainda cheias). Esta semana: raia 3 euros o kilo (ótima para caldeirada, fritar, cozer para os meninos, etc); lulas fresca 5,5 euros o kilo; cação 4 euros o kilo; carapau 2 euros o kilo; pargo 5 euros o kilo; polvo 4,8 o kilo; pescadinha 4 euros o kilo....
Sem imagem de perfil

De Fernando Rebelo a 03.11.2013 às 22:00

Concordo plenamente.

eu comprei pescada grande (8,99/Kg) e carapau (3,99€) com 75% (os 50% do peixe e carapau + talão de 25% em todo o peixe fresco) que dá para 23 refeições por 6,88€. Ambos os produtos estavam caros mas com o 75% ficou a pescada a 2,24€/KG e o carapau a 0,99/Kg. Compensa. Nem sempre está a 75% mas quase de 15 em 15 dias (se nao for todas as semanas) há peixe a 50% e abaixo dos 5€ o kg.
Sem imagem de perfil

De Rosa Santos a 06.11.2013 às 01:55

não sei se é comum esta prática em mais pontos do país, mas aqui pela zona de Espinho é habitual venderem os "cabazes" de peixe quando chegam os barcos à praia! os pescadores dão prioridade aos restaurantes (que compram os mais caros) mas depois ficam sempre alguns para o público! Chegamos a trazer mais de 10kilos de peixe variado (sardinha, carapaus, verdinhos, robalo...) por 10euros ou menos! Para famílias numerosas que vivam na zona costeira é uma forma de comer peixe sem que seja um luxo :) fica a dica ;)

Comentar post




Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Calendário

Novembro 2013

D S T Q Q S S
12
3456789
10111213141516
17181920212223
24252627282930


Comentários recentes

  • Descontos

    Eu confesso que nem consigo ir tomar o meu pinguin...

  • Anónimo

    Esta semana voltei ao trabalho e as "diarias" (nao...

  • Anónimo

    Aqui em casa os miudos de frango são sempre para a...

  • Ariana

    Miúdos??? Blhéc!!! São das 4 coisas que não consig...

  • Anónimo

    Cá em casa aproveito os figados, a moela...não apr...




Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2019
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2018
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2017
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2016
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2015
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2014
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2013
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2012
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2011
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D